Por que ele adotou o nome de Pio ao entrar para a vida religiosa?

Desde a mais tenra idade, Padre Pio recebeu a graça de visões freqüentes da Virgem e se beneficiou da presença visível de seu anjo da guarda.

No entanto, em 1915, ninguém sabia ou entendia a natureza sobrenatural dos fatos, nem mesmo sua mãe. E ele acreditava que estes eram fenômenos comuns compartilhados com todos os fiéis!

E nós só sabemos disso porque Pe. Pio confiou essa história ao seu primeiro diretor espiritual do convento, Padre Agostino da San Marco in Lamis.

Essas visões o acompanhavam, como algo corriqueiro segundo Francesco, em sua vida já marcada pela oração e pela penitência. A igreja Santa Maria degli Angeli recebia todos os dias a sua visita. Na ocasião, ele se deixou ficar trancado por algumas horas. Ele gostava particularmente de uma pequena capela, à direita do coro, dedicada a Santa Ana.

Sob o altar da capela, uma urna contém os restos mortais de São Pio Mártir. Pie I, papa 140-155, foi enterrado pela primeira vez nas catacumbas de Santa Priscilla em Roma.

O Papa Pio VII, em 1801, doou as relíquias de seu antecessor ilustre ao príncipe Luigi Carafa, que as confiou à pequena igreja de Pietrelcina. Assim Francesco Forgione, algumas décadas mais tarde, foi capaz de venerar essas relíquias na Capela de Santa Ana, e várias vezes apelou à intercessão de um papa mártir, do qual ele quase não sabia nada.

É em parte à sua honra que Francesco, ao ser tornar religioso, levará o nome de Pio.

Compartilhe
Share on Facebook
Facebook
142Tweet about this on Twitter
Twitter

1 Comentarios

  • Quero pedir orações pro neto Luca Viguie…..ele faz 13 no próximo dia 09/09…..o meu pedido é para ele ter fé e acreditar nos ensinamentos de Cristo…..e ter amor aos estudos….. não mentir…que ele seja um menino abençoado. Amo mto meu netinho… confiou que vamos receber essa graça….🙏🙏🙏 Amém 🙏🙏🙏

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


<< Post Anterior:

Próximo Post: >>