Compartilhe
Share on Facebook
Facebook
80Tweet about this on Twitter
Twitter

Vamos rezar, hoje é o Dia de Todos os Santos!

A Santa Igreja Católica celebra o Dia de Todos os Santos no Primeiro dia de Novembro, para as almas que alcançaram a glória e felicidade eternas. Celebrar todos os santos é recordar e honrar aqueles – naturalmente também nossos entes queridos – que já veem a Deus face a face e intercedem no Céu por nós.

O Dia de Todos os Santos é a festa da Igreja Militante que comemora a Igreja Triunfante e é a data litúrgica que mostra mais claramente a faceta da “comunhão dos santos” que se reza na oração do Credo.

 

A Igreja já reconheceu perto de 20 mil santos em toda a sua história, todavia, o bom senso nos inclina a crer que existem muitos mais no Céu. 

Entretanto, a santidade não se mede apenas pela elevação do santo à glória dos altares e a dedicação de uma Santa Missa a ele em data definida no calendário litúrgico.

Como é próprio da vida, do mistério do tempo e da contingência humana, multidões chegaram às bem-aventuranças desde a noite dos tempos.

Só que seus rostos e nomes caíram no esquecimento e não é possível citá-los um a um antes do retorno glorioso de Jesus Cristo, que então mostrará a todos aquilo que estava oculto.

O que é a “Comunhão dos Santos”?

Não é só por causa do seu exemplo que se venera a memória dos bem-aventurados, mas ainda mais para que a união de toda a Igreja no Espírito Santo aumente com o exercício da caridade fraterna.

Pois, assim como a comunhão entre os cristãos ainda peregrinos na terra nos aproxima mais de Cristo, assim também a comunhão com os santos nos une a Cristo, de quem procedem, como de fonte e Cabeça, toda a graça e a própria vida do Povo de Deus.

Por isso, a “Comunhão dos Santos” é a circulação dos bens espirituais entre todos os membros da Igreja, de modo a santificar a todos os que receberam os santos sacramentos.

Os méritos dos mais heroicos na santidade são aproveitados para dar o impulso aos tíbios de modo que estes avancem nas virtudes sobrenaturais, através das orações incessantes de todos os domínios da Igreja, tanto quanto de penitências, indulgências e boas obras em geral.

___________________________________________________________

Hoje é uma bela data para você honrar São Pio de Pietrelcina, tornando-se um Filho Protegido dele. Você aceita?

 

Compartilhe
Share on Facebook
Facebook
80Tweet about this on Twitter
Twitter

Clique aqui para confirmar o seu SIM


5 Comentarios

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *